terça-feira, 9 de fevereiro de 2010

Abandono em Triagem, fevereiro 2010

Ontem estivem em Triagem. Há quanto tempo não via este velho lugar!

Uma história que começou há 20 anos atrás, época em que a estação sediava a escala de maquinistas. Quantas histórias de caronas nas locomotivas, puxando os cargueiros e os passageiros. Guaianás, Pederneiras, Jaú, serra de Brotas...Lugares mágicos.

A situação já não é mais a mesma. Na entrada, a antiga guarita completamente abandonada e os portões escancarados denunciam o que está por vir... Entro com o carro, num misto de euforia, alegria, receio, raiva.

Lá estão! Carros de aço inox, locomotivas Loba, Mini-Saias, algumas LEW, carros de socorro de aço-carbono, incontáveis vagões. Um silêncio sepulcral cortado apenas pelo latido de alguns cachorros.

Passo pela estação de Triagem. Abandonada, teve as telhas de sua plataforma furtadas.

Saio fotografando tudo como um menino perdido em uma loja de brinquedos. Tropeçando em trilhos, amvs e alguns pedaços do que foram locomotivas.

Registro com cuidado e carinho cada imagem, numa homenagem talvez póstuma daquele material que serviu tanta gente. E trouxe tanto progresso. E que poderia estar servindo a população ou pelo menos preservado como velhos combatentes deste mundo louco.

Sinais de furto de peças e vandalismo já aparecem, principalmente nos carros. As Lobas e Mini-saias não parecem desfalcadas - ainda.

Após caminhar pelo extenso pátio e fotografar tudo chega a hora de ir. Imagens na máquina e na memória.

Engraçado já haver feito isso há exatos 10 anos, neste mesmo local com as V8 e Russas. Porém devido ao descaso e negligência o material foi vandalizado e saqueado à exaustão.

Espero que as fotos e comentários postados neste blog contribuam, de certa forma, para que a história destas locomotivas, carros e vagões seja mais feliz. E que possamos criar uma consciência de que o homem é capaz de criar coisas extremamente magníficas. E que é capaz de mantê-las e preservá-las para a construção das próximas gerações.

(fotos: Rodrigo Cabredo Fev/2010 e Google Earth) - clique para ampliá-las

Imenso pátio de Triagem, localizado na região leste do município de Bauru-SP.

Vista geral do pátio de Triagem.

Raro exemplar de um carro "Chumbinho" da Companhia Paulista.

À esquerda, estação de Triagem assistindo à destruição do patrimônio público.

À esquerda imensa fila de carros de passageiro de aço inoxidável, e à direita uma locomotiva elétrica GE "Mini-Saia".

Locomotiva elétrica GE "Mini-Saia" de bitola métrica.

O velho e belo carro ACF - American Car and Foundry da Paulista tomba diante do abandono.

Mais alguns raros carros ACF, sendo que um deles foi incendiado por vândalos.

Locomotiva GE/Westinghouse "Loba" assiste à distância a destruição dos carros ACF.

Fila de carros aço inoxidáveis Mafersa e Budd à espera de alguma atitude que possa salvá-los.

Estação de Triagem, que chegou a abrigar a escala de maquinistas de Baurú agora está fechada e abandonada.

Belos carros de passageiro de aço inoxidável da Mafersa, que faziam os trens das antigas linhas Sorocabana e Mogiana.

Interior de um dos carros: cenário de destruição.

Fila da morte dos carros de passageiro, que poderiam estar sendo bastante úteis à população. Mais um flagrante de desperdício e mau uso do patrimônio público. Alguns deles foram incendiados por desocupados.

Locomotiva "Loba" seguida de uma "Mini-Saia": Aguardando uma sorte melhor.

Locomotiva LEW apodrece jogada dentro de um barracão em ruínas.

A Locomotiva "Loba" foi um ícone dos primórios da eletrificação das linhas da Estrada de Ferro Sorocabana.

Don´t let me die !!!